Novo Papa faz questão de andar de ônibus com os cardeais após ser eleito

Depois de ser eleito, o papa Francisco decidiu voltar ontem (13) de ônibus acompanhado dos demais cardeais da Capela Sistina para a Casa de Santa Marta – onde todos estavam hospedados para o conclave. O papa dispensou o carro oficial a que tem direito. Horas depois, ele foi até a Casa Internacional do Clero, em Roma, na qual os cardeais se hospedaram antes do conclave.
Na Casa Internacional do Clero, o papa fez questão de pagar a conta referente ao período em que se hospedou no local. Bem-humorado, ele avisou aos cardeais que ia até o local para quitar a dívida e pegar as malas. No jantar com os cardeais, o papa mostrou seu humor: “Que Deus os perdoem”, disse ele, referindo-se ao fato de ter sido eleito.
Após a saudação do papa Francisco aos fiéis, na Praça São Pedro, os cardeais se reuniram com ele para o jantar. Com champanhe, eles a escolha do novo pontífice. “Foi tudo em um clima muito fraternal”, disse o arcebispo de São Paulo, dom Odilo Scherer.
De temperamento afável, comunicativo e, sobretudo, cuidadoso com as contas. Assim é descrito o papa Francisco pelos cardeais e padres que o conhecem. “É um homem simples e modesto”, disse o arcebispo de Aparecida, dom Raymundo Damasceno, lembrando que quando o então cardeal Jorge Mario Bergoglio vivia em Buenos Aires, capital da Argentina, usava o metrô e ônibus e caminhava a pé.
Papa Francisco: O arcebispo de Buenos Aires, Jorge Mario Bergoglio, de 76 anos, é o novo papa e sucessor de Bento XVI na chefia da Igreja Católica. É o primeiro pontífice latino-americano e jesuíta. Ele também é o primeiro a assumir o pontificado com o antecessor vivo em 600 anos e adotou o nome de Francisco.
Foto e informações: Agência Brasil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.