Recapeamento das vias de Natal ainda se mostra tímido e já com problemas

Aos olhos dos natalenses, desde o início da gestão do prefeito Carlos Eduardo, o recapeamento das vias da cidade ainda se mostra tímido e já com problemas em algumas ruas e avenidas.  Buracos, falhas no pavimento, provocados pelas chuvas e infiltrações decorrentes das tubulações evidenciam a necessidade da continuidade e manutenção das obras.
Um dos pontos mais exemplares da situação está na Avenida Mário Negócio, uma das primeiras a serem atacadas pelo Secretaria Municipal de Obras e Infraestrutura,  que já apresenta um perigoso buraco num trecho central no bairro das Quintas.
La carros e motos convivem com o risco constante de acidentes, conforme é observador diariamente pelo morador Zenido Lima. Eles fizeram essa obra há cerca de dois meses e já tá desse jeito. Já vi carros quase baterem aqui depois de frearem bruscamente.  “A prefeitura ficou de retornar aqui para resolver o problema e até agora nada”, reclama. O buraco  localizado o centro da pista tem uma infiltração de água.
Outro recapeamento se “arrasta” lentamente pela Avenida Nascimento de Castro, que no trecho situado entre a Avenida Salgado Filho e a Prudente de Morais tem apenas uma faixa pronta. A outra continua com os antigos buracos que provocam uma irregularidade na via.
A Nascimento de Castro apresenta vários buracos em sua extensão e pontos críticos o cruzamento com Rua dos Potiguares, em Lagoa Nova onde quatro buracos tumultuam o trafégo dos veículos.
Em outras vias como a Avenida Norton Chaves, Nova Descoberta, a pavimentação não apresenta problemas por enquanto. Mas são em vias de grande circulação que ainda nãos sofreram intervenção pública que residem os velhos problemas. È o caso da Avenida Monsenhor Walfredo Gurgel, (Via do Contorno), que tem um grande trecho sem asfaltado e interrompido e com má sinalização.
A Avenida Mário Negócio, importante corredor do Alecrim tem um grande buraco entre a Alexandrino de Alencar e  a Rua Dr. Luiz Dutra exibe uma enorme “cratera “, que ameaça os motoristas.
Principal via de acesso da Zona Norte para a Zone Oeste, a Rua Leão Veloso, Quintas é cenário de uma via semi destruída com buraco e asfalto desgastado. Lá há um tronco de arvore foi colocado para sinalizar um ponto de perigo.
Foto: Alberto Leandro (Portal No Ar)
Fonte: Portal No Ar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.