Abertas inscrições para projeto que capacita cobradores para atuarem como motoristas

Cobradores interessados em iniciar uma nova carreira como motorista profissional já podem acessar o site do SEST SENAT e efetuar a inscrição. Neste ano, o SEST SENAT oferece novas vagas para esses profissionais dentro do projeto Qualificação Profissional para Cobrador no Transporte Coletivo de Passageiros em 46 Unidades Operacionais da rede, totalizando, em 2019, a oferta de 9.000 vagas. Integralmente gratuito, o projeto possibilita ao participante mudar a categoria da sua CNH (Carteira Nacional de Habilitação) de B para  D.
Arquivo/UNIBUS RN
Também sem custos, serão ministrados os cursos Especializado para Condutores de Veículos de Transporte Coletivo de Passageiros (Resolução nº 168/2004) e Aperfeiçoamento de Motorista para o Transporte de Passageiros (Simulador de Direção). A aulas ocorrerão em 46 Unidades Operacionais do SEST SENAT no país. 
As inscrições podem ser feitas até 21 de março. A participação, porém, está condicionada à regularidade do cadastro da empresa onde o candidato trabalha junto ao SEST SENAT. A empresa deve ter como atividade econômica principal o transporte e deve atuar no transporte coletivo de passageiros. 
O candidato deve, ainda, comprovar o vínculo empregatício na função de cobrador de ônibus; possuir CPF; e enquadrar-se nas regras do Contran quanto aos requisitos de tempo de CNH para realizar a mudança de categoria. 
Nos últimos anos, muitas empresas de transporte passaram a operar com bilhetagem eletrônica, reduzindo as possibilidades de atuação dos cobradores. Sensível a essa transformação, o SEST SENAT encoraja a qualificação e o reposicionamento desses profissionais. “O transporte está mudando, e o SEST SENAT acompanha esse movimento, preparando a força de trabalho para o futuro do setor”, afirma a diretora-executiva nacional da instituição, Nicole Goulart.
Gustavo T. Falleiros
Agência CNT de Notícias
Compartilhe esta matéria

Administração UNIBUS RN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *