Planejador dinamarquês: “transporte público e bicicletas são meios de transporte mais eficientes”

O rápido aumento da população urbana na Colômbia implica uma série de desafios em termos de habitação, transporte e sustentabilidade ambiental para as cidades.
Foto: EMBARQ Brasil/Visual Hunt – Ilustração/Arquivo – UNIBUS RN
Segundo as previsões do Departamento Nacional de Planejamento, até 2050 a população urbana do país sul-americano terá aumentado em 14,5 milhões de pessoas e 69 cidades no país terão mais de 100 mil habitantes.
Neste contexto, o planejamento de “cidades inteligentes”, bem como a troca de idéias e soluções entre os habitantes, líderes políticos e planejadores, tornam-se questões cruciais para criar cidades habitáveis.
Isso é explicado por Morten Kabell, ex-prefeito de assuntos ambientais de Copenhague, capital da Dinamarca, e CEO da Copenhagenize, uma empresa de design e planejamento que ele descreve como “planejadores de bicicletas”.
“Uma cidade moderna que quer ser habitável e quer ser inteligente deve se concentrar nas pessoas, os cidadãos que vivem e trabalham lá. Se você os esquecer, não é muito esperto “, disse o urbanista em entrevista à Anadolu Agency.
Kabell visitou a Colômbia no âmbito do evento “Cidades Inteligentes Nórdicas”, organizado pelas embaixadas da Dinamarca, Finlândia, Noruega e Suécia na Colômbia.
TRT Português
Compartilhe esta matéria

Administração UNIBUS RN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *