Com 50 ônibus exportados, Marcopolo retoma vendas para a Etiópia depois de 12 anos

A Marcopolo anunciou nesta terça-feira, 23 de julho de 2019, que retomou as exportações para a Etiópia, na África. A encarroçadora diz que embarcou no final de junho para o país, 50 unidades do modelo Viaggio 1050 com chassi Volvo B11R.
Ônibus rodoviários têm portas na dianteira e na traseira. Foto: Douglas de Souza Melo
Os veículos foram vendidos para a empresa ODAA Integrated Transport S.C, com sede em Addis Abab.
Os ônibus foram produzidos da planta Ana Rech, em Caxias do Sul, Rio Grande do Sul.
De acordo com a Marcopolo, a configuração é diferenciada para atender às necessidades de transportes locais. Cada ônibus possui duas portas do lado direito e capacidade para 55 passageiros, com poltronas executivas. “Entre os equipamentos eletrônicos e para ampliar o conforto e a comodidade dos usuários estão sistema de áudio e vídeo com três monitores fixos, rádio, DVD, câmera de marcha a ré e preparação para Wi-Fi e GPS, além de carregadores USB em todas as poltronas.” – diz nota da Marcopolo.
O gerente executivo da Marcopolo para o mercado de África e Oriente Médio, Ricardo Portolan, diz na mesma nota que há 12 anos a empresa não exportava para o país.
“Esta é primeira compra da ODAA Integrated Transport que, em razão da elevada imagem de qualidade e confiabilidade da nossa marca, optou pela aquisição de 50 novos ônibus. A relevância deste negócio aumenta pela quantidade de ônibus e porque é a primeira exportação para a Etiópia desde 2007”.
Diário do Transporte

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.