MPRN cobra adequações e implantação de ciclovias em Natal

O Ministério Público Estadual instaurou inquéritos civis para apurar possíveis omissões do Estado do Rio Grande do Norte e do Município de Natal na adoção ou adequação de ciclovias em avenidas da capital potiguar. Três portarias instaurando os inquéritos foram publicadas nesta terça-feira (8).
Situação na Engenheiro Roberto Freire é alvo de investigação – Foto: Magnus Nascimento/Tribuna do Norte
A promotora Maria Danielle Simões Veras Ribeiro, da 49ª Promotoria de Justiça da Cidadania de Natal, instaurou três inquéritos tratando sobre trechos diferentes para identificar qual é a situação dos espaços destinados ao passeio dos ciclistas. As avenidas apontadas nos inquéritos são as Engenheiro Roberto Freire e RN-063 (conhecida como “Rota do Sol”), na zona Sul; e as Avenidas Governador Silvio Pedroza e Presidente Café Filho, na zona Leste.
Na avenidas Silvio Pedroza e Café Filho, a responsável pela manutenção das vias é a Secretária de Mobilidade Urbana de Natal (STTU). Enquanto que os outros trechos citados são de responsabilidade do Governo do Estado, cuja competência cabe ao Departamento Estadual de Trânsito (Detran-RN) e ao Departamento de Estradas de Rodagem (DER).
De acordo a Associação de Ciclistas do Rio Grande do Norte (Acirn), Natal tinha mais de 10 mil pessoas utilizando bicicletas como meios de transporte ou para esportes, até março desse ano. O número triplicou em relação a 2012.
Tribuna do Norte
Compartilhe esta matéria

Administração UNIBUS RN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *