Teresina estuda ônibus elétricos para transporte público

A prefeitura de Teresina (PI) confirmou oficialmente que tem interesse em possibilitar a implantação de ônibus elétricos no sistema de transportes. Por enquanto, porém, a fase é de sondagem da viabilidade deste tipo de veículo que promete zerar a poluição durante a operação e reduzir emissões de ruídos e os custos operacionais.
Ônibus elétrico urbano de Brasília. Foto: Alessandro da Mota Roque/Ônibus Brasil
No último dia, 04 de fevereiro de 2020, o prefeito Firmino Filho recebeu representantes da fabricante chinesa BYD, que tem planta em Campinas, no interior paulista, para conhecer modelos e resultados operacionais em cidades que receberam o ônibus, como em Recife (PE).
Por meio de nota, o prefeito Firmino Filho disse que a intenção inicialmente é realizar testes com um ônibus.
“Estamos avaliando alternativas economicamente viáveis e, que, ao mesmo tempo, melhore o conforto dos passageiros. A ideia é que possamos trabalhar com um protótipo do ônibus, assim podemos testar o seu funcionamento nas ruas e avenidas da capital. Ainda vamos conversar com os consórcios para desenvolver esse diálogo”
Resultados operacionais foram apresentados em encontro. Foto: Renato Bezerra/Secom – Teresina
Na mesma nota, o representante da BYD, Guilherme Nogueira, disse que apresentou dados como autonomia das baterias, durabilidade, custo por quilômetro, e que considera o encontro um avanço.
“Nossa conversa com a Prefeitura de Teresina está avançando. Estamos pensando alternativas junto com o prefeito de como seria feita essa contratação”
Já o superintendente municipal de Transportes e Trânsito, Welton Bandeira, diz que uma eventual implantação de ônibus elétricos vai ocorrer pelas empresas concessionárias das linhas e que ainda é necessário avaliar diversos aspectos operacionais e financeiros.
“A nossa intenção é que possamos ser contemplados com essa inovação. Vamos fazer um esforço junto aos consórcios de ônibus para que a gente possa implantar essa tecnologia na cidade. Estamos avaliando os prós e contras”
A BYD, instalada em Campinas desde 2015, já tem modelos comprados pelas viações de diversos sistemas, como São Paulo (SP), Campinas (SP), Santos (SP), Brasília (DF), entre outros.
Diário do Transporte

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.