Produção de ônibus no Brasil tem queda de 10,4% nos dois primeiros meses de 2020

Do Diário do Transporte
Foto: Jovani Cecchin/Ônibus Brasil – Ilustração

A produção de ônibus no Brasil teve uma queda de 10,4% nos dois primeiros meses de 2020. Os dados foram divulgados nesta sexta-feira, 06 de março de 2020, pela Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores).

Nos dois primeiros meses deste ano, foram produzidas 3.982 unidades, enquanto no mesmo período de 2019 a produção alcançou 4.445 ônibus, também segundo o levantamento.

A queda foi mais expressiva na produção de veículos urbanos, com 11,3% unidades a menos. Em janeiro e fevereiro de 2019 foram produzidos 3.465 ônibus, enquanto nos dois meses deste ano, foram 3.074.

Em rodoviários, a queda foi de 7,3%, passando de 980 para 908 chassis produzidos, de acordo com os números da associação.

Por sua vez, no comparativo de fevereiro deste ano com o mesmo mês de 2019, o resultado é um leve crescimento de 1,2%, passando de 2.526 unidades produzidas para 2.556.

Confira os números, na íntegra:

RANKING:

O ranking de licenciamento da Anfavea mostra que a Mercedes-Benz segue liderando, com alta de 7,9% no acumulado do ano, em comparação ao mesmo período de 2019.

Contudo, o maior percentual de crescimento, foi da Scania, com 363% sobre 2019, passando de 27 para 125 ônibus produzidos.

Confira os números, por marca:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.