Após 20 anos, Guanabara volta a operar em Extremoz

Após 20 anos, Guanabara volta a operar em Extremoz

Por UNIBUS RN
Foto: Júnior Mendes/Acervo UNIBUS RN

Com o fim da marca “Oceano” presentes nos ônibus, a empresa Guanabara voltou as operações das linhas de Extremoz, após cerca de 20 anos. Originalmente, a ligação entre Extremoz e Natal era feita pela Guanabara, até a criação da Oceano, em meados do ano 2000, empresa voltada para a atuação da Guanabara na região metropolitana de Natal (enquanto a empresa Guanabara se concentrou nas linhas urbanas de Natal). Nesta quinta-feira, dia 14 de março, a Guanabara voltou às ruas de Extremoz, na operação das linhas que ligam o município à Natal.

Leia também:
Empresa Oceano chega ao fim, e Guanabara inicia operação no intermunicipal

A empresa Guanabara, proprietária da Oceano, anunciou o fim da viação e unificação da Guanabara para todas as operações. A decisão de encerrar as atividades da Oceano foi tomada pelo atual grupo proprietário da Guanabara, a empresa Metropolitana, de Pernambuco, e comunicada na confraternização de final de ano das empresas no ano de 2017. A previsão era que a mudança ocorresse a partir do início de 2018.

Mas só este ano o primeiro ônibus da Guanabara passou a atuar em linhas metropolitanas. Foi no 17 de março, quando o ônibus de numeração 009, até então da Oceano, foi remanejado para a Guanabara e passou a operar as linhas da grande Natal.

Até a criação da Oceano, as linhas metropolitanas do grupo eram operadas pela Guanabara.

Leia também:
As operações da Guanabara e Oceano nas praias de Santa Rita e Genipabu

Na Guanabara metropolitana que atuava antes da criação da Oceano, a empresa atuava com veículos repassados da área urbana e também com ônibus comprados zero quilômetro. A ação de repete no atual momento – apesar de a Guanabara metropolitana contar apenas com três ônibus do modelo Foz Super, comprados zero quilômetro pela Oceano em 2011. Todos os demais veículos, são seminovos, vindos das empresas que integram o grupo Metropolitana, de Pernambuco, proprietária da Guanabara. Já na área urbana, a empresa conta com significativa parte da frota de carros comprados zero quilômetro.

Atualmente, cerca de metade da frota da Oceano já passou pela mudança na marca, se tornando Guanabara.

Compartilhe esta matéria

Redação UNIBUS RN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *