Natal: Rodoviários param ônibus mais uma vez

Natal: Rodoviários param ônibus mais uma vez

Por UNIBUS RN
Fotos: Divulgação

O mês de junho começou com mais dificuldades para os usuários de ônibus de Natal. Nesta segunda-feira, 1º, os trabalhadores do transporte público de passageiros da capital paralisaram suas atividades, exigindo a reintegração de funcionários demitidos e uma audiência com o prefeito Álvaro Dias (PSDB).

O protesto de hoje se concentrou em frente ao SINTRO, sindicato que representa os trabalhadores das empresas de ônibus, próximo ao Viaduto do Baldo. A manifestação, que foi iniciada por volta das 9h, paralisou veículos de todas as empresas que operam em Natal. Logo depois, os ônibus enfileirados seguiram para a frente da Prefeitura, na Cidade Alta.

De acordo com o SINTRO, o protesto de hoje tem como pauta uma audiência com o prefeito de Natal, que desde as paralisações anteriores ainda não ocorreu. A audiência serviria para que os rodoviários possam expor ao Executivo sua pauta de reclamações.

Outra pauta seria o cumprimento de uma decisão judicial, a favor do sindicato, que barra as demissões de cobradores. No último dia 27, a juíza substituta da 10ª Vara do Trabalho de Natal, Symeia Simião da Rocha, deferiu liminar em favor do SINTRO, onde as demissões de rodoviários da empresa Guanabara informadas no processo devem ser suspensas durante a vigência dos decretos estaduais com medidas de combate ao COVID-19. A liminar diz, ainda, que a empresa pagaria multa diária, no valor de R$ 20 mil, caso descumpra a decisão.

Esta é a sexta manifestação da categoria em um mês. Nos protestos anteriores, também foi indicado que as empresas não estariam cumprindo com a disponibilização dos benefícios da convenção coletiva da categoria, como a disponibilização de vale-transporte e plano de saúde.

Compartilhe esta matéria

Redação UNIBUS RN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *