Em São Paulo, prefeito ameaça demitir secretário de transportes caso ônibus permaneçam cheios

Em São Paulo, prefeito ameaça demitir secretário de transportes caso ônibus permaneçam cheios

Por UNIBUS RN
Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil – Ilustração/Fotos Públicas

Durante entrevista na última segunda-feira, dia 08 de junho, o prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), disse que pode trocar o secretário municipal de transportes do município caso os ônibus sigam operando com passageiros em pé durante as viagens. Segundo Bruno, 5% das linhas percorreram seus trajetos com passageiros em pé na manhã da segunda-feira, descumprindo a orientação da prefeitura.

Covas afirmou que o secretário de transportes de São Paulo, Edson Caram, prometeu que seria possível fazer as operações dos ônibus com todos os passageiros sentados. De acordo com o prefeito, Edson tem até a próxima sexta-feira, dia 12 de junho, para corrigir a situação ou será demitido.

“Na sexta-feira, as concessionárias e escritórios puderam ser reabertos, e tivemos 1,206 passageiros no transporte público municipal. Não é muito diferente do que tínhamos observado, estava entre 1,1 milhão, 1,2 milhão. O secretário de transportes garantiu que não haveria passageiros em pé. Hoje, o número que temos é que 5% das linhas estavam com passageiros em pé. O secretário tem até sexta-feira para fazer isso. Se até sexta ele não fizer, a partir da segunda será outro secretário que vai tentar fazer isso”, afirmou.

Compartilhe esta matéria

Redação UNIBUS RN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *