COVID-19: Marcopolo lança totem de autoatendimento para tornar embarque mais rápido e prevenir contaminações

COVID-19: Marcopolo lança totem de autoatendimento para tornar embarque mais rápido e prevenir contaminações

Por Secco Comunicação
Foto: Giovani Boff (DC Multimídia / Secco Comunicação)

A Marcopolo Next, divisão de inovação da Marcopolo, lança mais uma solução de biossegurança para a retomada do setor de transporte durante a pandemia de Covid-19. É o Safe Check-in, um totem de autoatendimento para check-in, que visa contribuir para a prevenção de contaminações, incluindo o novo coronavírus e bactérias.

A ferramenta de triagem possui leitor de temperatura, verificação do uso de máscara, dispenser de álcool gel automático e validador de acesso via QR Code, que pode ser customizado ao sistema de qualquer empresa. O sistema pode ser implantado em empresas de transporte de passageiros, terminais, aeroportos, além de ambientes comerciais e corporativos.

O Safe Check-in já foi validado na rodoviária de Caxias do Sul (RS) e iniciará operação com passageiros em Porto Alegre e no Rio de Janeiro com empresas operadoras. Veja o vídeo sobre o funcionamento do totem.

“Com a retomada das atividades econômicas, há a preocupação com as condições de biossegurança em mobilidade. Nossas soluções visam contribuir para que os deslocamentos de pessoas sejam mais seguros e tragam mais tranquilidade à população em geral, afirma Petras Amaral Santos, Business Head da Marcopolo Next.

Dos ônibus aos estádios: O Safe Check-in foi apresentado pela primeira vez em jogos do Campeonato Gaúcho de Futebol, em partidas realizadas nos Estádios Centenário, para o Gre-Nal, e Alfredo Jaconi, para o Ca-Ju. Os jogadores e comissões técnicas também passaram por medição de temperatura e identificação de uso de máscara.

A Federação Gaúcha de Futebol fechou parceria com a Marcopolo Next para colocar o sistema à disposição dos clubes até o término do campeonato e garantir os cuidados sanitários e a preservação do bem-estar de todos os envolvidos na competição.

Marcopolo BioSafe: O Safe Check-in fará parte da plataforma Marcopolo BioSafe (www.marcopolobiosafe.com). Lançada pela companhia em 16 de junho, apresenta uma série de soluções desenvolvidas para tornar o transporte coletivo e os ambientes mais seguros contra contaminações As inovações já estão em circulação, no Brasil e no exterior, contribuindo para a retomada do setor e reabertura das atividades comerciais.

Para o CEO da Marcopolo, James Bellini, A BioSafe representa o primeiro resultado de um projeto ambicioso que a Marcopolo iniciou no ano passado quando lançou a Marcopolo Next, uma divisão de inovação voltada para desenvolver soluções para o futuro da mobilidade. O plano estratégico da companhia também contempla os múltiplos aspectos da inovação em mobilidade, que passa por profundas transformações, independentemente da pandemia. A ideia é estimular o mercado a pensar no transporte do futuro, seja nas viagens urbanas, seja no turismo, e dar condições aos clientes continuarem operando, segundo Bellini.

As soluções da Marcopolo BioSafe foram desenvolvidas por equipes multidisciplinares com profissionais das áreas de engenharia e inovação da Marcopolo, além de fornecedores e startups, podendo ser ofertadas tanto embarcadas como no formato de serviços. O Safe-Check-in contou também com a assinatura do Marcopolo Design Center para sua concepção. Todas as soluções foram testadas pelo Laboratório de Microbiologia Clínica da Universidade de Caxias do Sul. Veja aqui o vídeo do ônibus pós-pandemia.

Algumas soluções da Marcopolo, no entanto, extrapolam o setor de transporte e poderão ser aplicadas em diversos ambientes como, por exemplo, unidades médicas, indústrias e hotéis, entre outros estabelecimentos. Um exemplo é a desinfecção por névoa seca, chamada sistema FIP Spaces, serviço oferecido em conjunto com uma startup.

Compartilhe esta matéria

Redação UNIBUS RN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *