Quatro ônibus são apreendidos em operação da ANTT e PM de Pernambuco contra transporte clandestino

Do Diário do Transporte
Fotos: ANTT/Divulgação

Veículos irregulares estavam nas cidades de Caruaru e Sertânia e realizam viagens com destino a Feira da Sulanca em Santa Cruz do Capibaribe

Quatro ônibus foram apreendidos neste domingo, 18 de outubro de 2020, em uma operação da ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres) junto ao Batalhão de Policiamento Rodoviário da Polícia Militar de Pernambuco.

A operação de combate ao transporte clandestino foi realizada nas cidades de Caruaru e Sertânia com foco em veículos irregulares que realizam viagens com destino a Feira da Sulanca em Santa Cruz do Capibaribe.

A ação ainda está sendo realizada. Contudo, até a noite deste domingo foram apreendidos quatro veículos. As apreensões são resultado de um trabalho conjunto das Unidades Regionais de Pernambuco e Ceará, que realizaram fiscalizações nas cidades de Caruaru (PE) e Sertânia (PE).

“A ANTT destaca que todos veículos apreendidos não possuíam autorização para realizar o serviço e além da irregularidade referente ao transporte, apresentavam diversos problemas de segurança veicular que colocavam em risco a vida dos usuários, tais como, parabrisa trincado, extintor de incêndio vencido, transporte de bagagens e/ou encomendas sob as poltronas, além de pneus carecas, cronotacógrafo sem aferição, saídas de emergência sem identificação e motoristas sem o curso obrigatório para condução do transporte coletivo de passageiros, esses condutores trafegam em alta velocidade para fugir da fiscalização e colocam em risco a vida de quem ainda insiste em utilizar esse transporte e os demais usuários da via”, informou a ANTT, em nota.

“O transporte clandestino interestadual remunerado de passageiros é enquadrado pela ANTT na Resolução nº 4.287/14 que prevê apreensão por no mínimo 72 horas e multa no valor de R$ 7.600,00O, bem como, os veículos apreendidos são encaminhados ao depósito, onde só serão liberados após o pagamento das despesas referentes a guincho e diárias de pátio, bem como deverão comprovar o pagamento através de empresa regular da continuidade da viagem”, detalhou também.

A ação realizada neste domingo é uma continuidade da Operação Pascal, que desde o início de 2020 apreendeu mais de 950 veículos em todo país que realizavam o transporte clandestino interestadual de passageiros, segundo a ANTT. Deste total, a agência calcula um prejuízo de mais de 2 milhões de reais aos transportadores clandestino e encaminhando ao transporte regular cerca de 30 mil pessoas.

“Denúncias podem ser realizadas para a Ouvidoria da ANTT pelo Whatsapp (61) 99688-4306; telefone 166 da Ouvidoria (24h) e o e-mail ouvidoria@ant.gov.br”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.