Pesquisa revela que 92% dos brasileiros querem ônibus elétricos em suas cidades

Pesquisa revela que 92% dos brasileiros querem ônibus elétricos em suas cidades

Do Diário do Transporte
Foto: Ilustração

A população brasileira quer ônibus elétricos. É o que revela uma pesquisa com duas mil pessoas de diferentes regiões do País denominada “Mobilidade de Baixas Emissões, Qualidade do Ar e Transição Energética No Brasil”.

Encomendada pelo Instituto Clima e Sociedade (iCS) ao Instituto Ideia Big Data, a pesquisa foi realizada em março de 2020, compara dados coletados em 2017 com 2020. A divulgação ocorreu nesta semana,

Em nota, o iCS mostra que 92% dos entrevistados querem mais ônibus elétricos operando em suas cidades. O anseio por veículos menos poluentes aumentou em relação à edição anterior.

“Dentre os principais destaques, os números indicam que 92% dos entrevistados gostaria de mais ônibus elétricos em suas cidades, 72% concorda que o uso de combustíveis fósseis é a principal causa das mudanças climáticas, aumento de 11 pontos percentuais em relação a 2017, e 67% estaria disposto a abrir mão do seu transporte individual por um meio de transporte mais limpo.”

Para 42% das pessoas, os carros são os maiores poluidores das cidades, seguidos de indústrias (19%), ônibus (18%), caminhões (11%), queimadas (4%).

O levantamento mostra que 33% das pessoas que responderam consideram ser muito provável ter um carro elétrico nos próximos anos. Em 2017, eram 16%

PRINCIPAL MEIO

Entre as pessoas que responderam, o ônibus é o principal meio de transporte diário, com 42% das respostas.

Foram realizadas entrevistas pessoais com utilização de questionário por uma equipe de entrevistadores contratados e treinados para abordagem deste tipo de público.

O nível de confiança é de 95% e a margem de erro máxima estimada é de 2,2 pontos percentuais para mais ou para menos.

IMAGEM PRECISA MELHORAR:

As repostas indicam também que a imagem do transporte público precisa melhorar no Brasil. A primeira palavra que vêm à cabeça das pessoas quando se fala em transporte público é ônibus. Até aí, tudo bem. Mas de acordo com o levantamento, em seguida surgem palavras de cunho negativo, como: péssimo, superlotação, ruim, caos, precário, caro, dificuldade e horrível.

Ainda em relação à imagem do setor; 52% têm uma visão negativa das empresas de ônibus.

Já as empresas de aplicativos têm 77% de imagem positiva e as montadoras, 61%

Em relação ao carro, as repostas indicam mais termos positivos que no transporte público, como conforto, coisa boa e comodidade.

METRÔ É APONTADO COMO MELHOR:

A pesquisa apontou ainda que os participantes consideraram o Metrô como melhor meio de transporte para as cidades (29%), seguido de bicicleta (27%), carro (19%) e ônibus (10%).

Na comparação com 2017, o carro era o meio considerado melhor (30%). O ônibus tinha 19% das preferências e a bicicleta (16%).

Redação UNIBUS RN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *