Ônibus Volkswagen ampliam presença no mercado brasileiro em 2020

Por Volkswagen do Brasil
Foto: Divulgação (Volkswagen do Brasil)

Os ônibus Volkswagen ampliaram sua presença no mercado brasileiro em 2020, com 4.246 emplacamentos, uma fatia de 30,5% de todas vendas realizadas no período, de acordo com dados da Anfavea, associação que reúne as fabricantes de veículos no país. Em 2019 a participação dos ônibus VW era de 26,3%, o que indica alta de mais de 4 pontos percentuais em 2020. Esta é a segunda maior participação dos Volksbus nas vendas de chassis desde o seu lançamento, há 27 anos.

As entregas de ônibus Volkswagen caíram menos que as do mercado geral: o volume foi 23% inferior ao registrado em 2019, de 5.509 unidades, enquanto as vendas totais de chassis sofreram mais fortemente o impacto da pandemia de Covid-19, seguindo a tendência das demais atividades ligadas ao transporte de passageiros. Neste caso, houve baixa de 33% no volume, que encolheu de 20.932 em 2019 para 13.931 unidades em 2020.

Outro destaque da Volkswagen em 2020 foi a alta nas entregas de ônibus destinados a operações intermunicipais e fretamento, que avançaram 35% na comparação com o ano anterior, passando de 826 para 1.116 unidades, de acordo com dados do Renavam. Novos contratos de empresas de transporte, que investiram na ampliação de frota para segurança dos passageiros no caminho de ida e retorno do trabalho, além do bom desempenho do agronegócio e mineração, impulsionaram o crescimento das vendas. O modelo Volksbus 17.230 OD/ODS foi um líderes nessas entregas.

A VW Caminhões e Ônibus também manteve o atendimento às demandas para prefeituras e Estados em todo o Brasil no Programa Caminho da Escola, que continuaram com as compras para preparar o retorno às aulas presenciais. As vendas alcançaram o total de 3.600 Volksbus previstos na licitação conquistada pela fabricante e as entregas continuam, seguindo o calendário do Programa. Os chassis são produzidos no centro de desenvolvimento e manufatura da VW Caminhões e Ônibus em Resende (RJ).

A VW Caminhões e Ônibus é líder absoluta no fornecimento de veículos ao programa, com mais de 20 mil unidades entregues, volume que passa da metade do total em toda a história do programa, criado há treze anos.

O segmento de ônibus foi o mais prejudicado pela Covid-19 dentro da indústria automotiva, seguindo as atividades de transporte de passageiros, como a aviação. Por isso, a recuperação de vendas de chassis está fortemente ligada também aos movimentos da pandemia este ano e a VW Caminhões e Ônibus acompanha a estimativa da Anfavea de alta de 13% nos emplacamentos de chassis, com mercado total de pelo menos 16 mil unidades.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.