Rio: Ônibus em péssimo estado de conservação chama atenção de passageiros na Zona Oeste

Da Revista do Ônibus
Foto: Reprodução de Redes Sociais

Um ônibus da empresa Transporte Futuro, com prefixo C30031, do Consórcio Transcarioca e que fazia a linha 810 – Taquara x Recreio, chamou atenção dos passageiros por está em péssimas condições, com bancos quebrados na estrutura de encosto e no pé de apoio, estofados rasgados, estrutura do Painel da Vista frontal caindo, teto com buracos, barras de apoio com problemas na sua fixação e elevador PNE sem funcionar, como mostrou o Programa Rádio Motor, neste último sábado (20).

Quem olha o coletivo por fora, não imagina a real situação do mesmo na hora do embarque. Uma dica ao gabinete do novo prefeito, Eduardo Paes, é que a Secretaria Municipal de Transportes – SMTR, possa intensificar a fiscalização no transporte, já que é a pasta é responsável pelor setor.

A situação de manutenção e conservações dos diversos ônibus que circulam em todo o município do Rio, segue sendo alvo de reclamações dos passageiros diariamente, como estamos noticiando.

O Prefeito do Rio, Eduardo Paes, classificou o BRT Rio como porcaria, durante apresentação do Boletim epidemiológico do município na manhã desta última sexta-feira (19). Há anos, os passageiros do município que precisam utilizar os ônibus articulados para se deslocar entre as regiões do município, sofrem com o descaso e o péssimo estado de conservação dos ônibus e estações, como podemos ver aqui.

O Sindicato das Empresas de Ônibus da Cidade do Rio de Janeiro – Rio Ônibus, assim como a Prefeitura do Rio, foram contactados para esclarecer que medias serão tomadas afim de que cenas como as do ônibus em péssimo estado de conservação, não voltem ocorrer na cidade. As respostas serão publicadas neste espaço.

Com informações do Programa Rádio Motor e Redes Sociais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.