SP: Grupo Caio realiza testagem em mil colaboradores de Botucatu

Por Caio Induscar
Foto: Divulgação (Caio Induscar)

União de forças em prol da vida. É com esse propósito que o Grupo Caio Induscar promove mais uma ação de abrangência coletiva, com a aquisição de mil exames para detecção de COVID-19, que estão sendo realizados em seus colaboradores.

A iniciativa irá proporcionar a testagem amostral em cerca de 25% dos profissionais em atividade, das empresas do Grupo em Botucatu: Caio (fabricante de ônibus), Inbrasp (peças de plástico); Fiberbus (compósitos); Tecglass (vidros); CPA (processamento de alumínio); Copperbuss (chicotes elétricos).

Essa importante ação reflete a preocupação das empresas com a segurança e saúde de seus funcionários. Reforça também a colaboração com a Prefeitura Municipal de Botucatu na constituição de um inquérito epidemiológico, que mapeia o alcance da pandemia. Segundo a Organização Mundial da Saúde, a testagem em massa é considerada uma das mais eficientes armas contra o coronavírus.

“A testagem em massa de nossos colaboradores permitirá fornecer dados confiáveis para a realização do levantamento epidemiológico realizado pela Prefeitura de Botucatu, fundamental para traçar novas estratégias de controle de disseminação do vírus. É uma grande satisfação continuar contribuindo com a cidade e com a comunidade neste momento crítico”, explica o diretor do Grupo, Marcelo Ruas.

A ação também contribui para menor porcentagem de internações e ocupação de leitos de UTI. “Estamos focados para que Botucatu continue referência no combate ao vírus e que o Grupo Caio também seja um exemplo para que outras empresas se engajem nessa luta”, complementa o diretor.

Os testes estão sendo realizados com agendamento prévio, seguindo todos os protocolos preconizados pelos órgãos de saúde, e sob monitoramento de profissionais do Comitê Interno de Combate ao Coronavírus. “O cuidado com os colaboradores e seus familiares é um compromisso perene da empresa. Assegurar que nosso ambiente de trabalho está em conformidade com todas as orientações dos órgãos de saúde, tranquiliza a todos. É por isso que criamos também uma central telefônica exclusiva (Central COVID) e kit com termômetro digital e oxímetro para ser disponibilizado para colaboradores que testaram positivo”, detalha o diretor de Recursos Humanos, Maurício Cunha.

A grande amostragem contribui com Botucatu e cidades do entorno, pelo fato de as empresas englobarem em seu quadro de colaboradores pessoas de toda região, que também serão testadas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.