Via Sul emite nota de pesar pela morte de motorista

Por UNIBUS RN
Foto: José Augusto/Ilustração

A empresa Via Sul, operadora de linhas em Natal e região metropolitana, emitiu uma nota de pesar pela morte de um de seus motoristas, ocorrida neste domingo (14 de março). Pedro Henrique da Silva era casado, pai de 5 filhos, e estava prestes a completar 14 anos como condutor na empresa. De acordo com a Via Sul, a causa da morte foi Covid-19.

“Sabemos que nossos colaboradores estão na linha de frente desta pandemia, não deixamos de trabalhar um dia sequer durante todo esse período. Mas jamais estaríamos preparados para um momento como esse”, informou a empresa, por meio da publicação.

O Portal UNIBUS RN se solidariza com familiares, amigos e com a empresa pela perda.

Número de casos

O Rio Grande do Norte tem 178.582 casos confirmados de Covid-19. 3.829 morreram em decorrência da doença. A situação dos hospitais tem se agravado com a segunda onda da doença, e atualmente a taxa de ocupação de leitos de UTI COVID-19 é de 97% no Estado. As informações são do Secretaria de Saúde do RN (Sesap) e do Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (LAIS), órgão vinculado a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).

Atualmente, está em vigor no Estado um toque de recolher, com a suspensão parcial das atividades consideradas “não essenciais” em determinados horários noturno e no final de semana. Novas restrições poderão acontecer nesta semana, de acordo com a imprensa.

Combate ao coronavírus no transporte local

Desde o início da pandemia, é obrigatório o uso de máscaras no transporte – tanto municipal, quanto intermunicipal. A maioria dos usuários tem atendido a determinação, e dificilmente alguém é visto sem a utilização do meio de proteção. Além disso, algumas empresas – como a própria Via Sul – passaram a disponibilizar álcool gel 70 em seus ônibus.

Além da Via Sul, também é possível encontrar o aliado no combate ao coronavírus nas empresas Conceição, Cidade do Natal, Cidade das Dunas, Parnamirim Field e em parte dos transportes opcionais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.