Itapemirim cancela novamente voos a poucos dias de iniciar as operações

Do Portal AeroFlap
Foto: Divulgação (AEROIN)

Leitores do Portal AEROFLAP relataram que a Itapemirim voltou a cancelar voos a poucos dias da estreia transportando passageiros.

De acordo com informações apuradas pelo Portal AEROFLAP, juntamente com os leitores e o sistema da companhia, a Itapemirim está cortando as operações nos voos entre Guarulhos e Brasília, Confins e Porto Alegre.

Nos e-mails enviados para os passageiros, a Itapemirim está com o seguinte comunicado:

Imagem: Reprodução (Portal AeroFlap)

Desta vez, a companhia alterou em maioria os horários dos voos, mantendo as frequências diárias de operação, logo, é possível remarcar para embarcar em um voo no mesmo dia da passagem original.

A recomendação é que os clientes da aérea consultem as suas passagens aéreas no site da Itapemirim. Se não for possível remarcar ou reembolsar a passagem pelo site, procure os meios de atendimento por telefone ou e-mail da ITA.

Nos cancelamentos da última semana, a Itapemirim deu uma passagem aérea de cortesia para os passageiros afetados, além de, logicamente, cumprir com o dever de reembolsar ou reagendar para qualquer data os voos cancelados.

“Agradeço pela confiança que você depositou na minha empresa. Gestos como o seu, que escolheu a ITA para viajar, dão sentido ao meu trabalho e ao de toda a equipe. O nosso compromisso de um atendimento de excelência é o coração da ITA. Assim, confirmo que faremos a reacomodação, ou o reembolso da reserva que precisou ser cancelada, conforme as regras vigentes da ANAC. Além disso, ofereço uma passagem aérea de ida e volta para cada pessoa que consta na reserva que foi modificada”, diz Sidnei Piva, presidente da empresa, em um e-mail enviado aos passageiros anteriormente.

A companhia não prometeu, desta vez, dar passagens de cortesia para os seus passageiros.

Frota da Itapemirim: Em uma entrevista recente diretores da companhia afirmaram que a mesma deve iniciar as operações com apenas três aviões na frota. Anteriormente a nova companhia aérea estimava iniciar as suas operações com cinco ou seis aviões, ante um planejamento anterior de 10 aeronaves.

O menor número de aeronaves pode justificar o cancelamento dos voos da aérea. Os diretores prometeram na entrevista que até o final de julho devem ter 5 aviões na frota, e terminar agosto com até 10 aviões.

Atualmente dois aviões estão passando por procedimentos de adaptação e pintura no Brasil, algo que deve ser concluído na primeira semana de operação. Um quinto avião já está totalmente pronto para entrar na frota da aérea, no entanto, está parado nos Estados Unidos, e deve chegar na primeira semana de julho.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.