Com ônibus autônomos, ZF quer transformar a mobilidade nas cidades

Por Automotive Business
Foto: Divulgação (Via Automotive Business)

Anunciada nesta quinta-feira, a nova parceria entre a ZF Friedrichshafen AG e a empresa alemã DB Regio Bus vai impulsionar o uso de ônibus elétricos autônomos nas cidades – começando pelo próprio país-sede das duas organizações. A cooperação pretende acelerar a transformação da mobilidade do país com foco no tráfego mais rápido, eficiente, seguro e sustentável com o meio ambiente, apontam as companhias.

Serão necessários mais de 30 mil shuttles (veículos autônomos de passageiros) até 2035 para transformar o transporte público alemão, segundo estimativas da DB. A ideia é que os ônibus elétricos circulem em áreas urbanas onde empresa já atua, sendo operados em conjunto com a administração de cada cidade.

O modelo apresentado pela ZF tem capacidade para até 29 passageiros e pode andar a até 40 km/h, além de ser equipado com sensores lidar, radar, GPS e câmeras 360º para detecção de objetos e movimentos. Com essas tecnologias, os veículos podem se movimentar em vias comuns, entre carros ou em faixas exclusivas.

“Com a ZF, a DB Regio Bus tem ao seu lado um forte parceiro tecnológico para fortalecer o transporte público com shuttles elétricos, autônomos e flexíveis. Buscamos um objetivo comum que é o de desobstruir as vias das metrópoles, cidades e comunidades e tornar o transporte público livre de emissões”, afirma o executivo da DB Regio Bus, Frank KlingenhöferMembro.

Desde a aquisição da empresa 2getthere em 2019, a ZF passou a oferecer também todos os serviços necessários para o planejamento, implantação, operação, manutenção e reparação de um sistema de shuttle autônomo. Por meio da subsidiária, a tecnologia autônoma já circulou por mais de 100 milhões de quilômetros.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.