Internacional: Segmento de transporte de passageiros experimenta recuperação na Colômbia

Por Truck & Bus Builder
Foto: Divulgação (Volvo Buses Colômbia / ColômbiaBus / Via Revista Autobus)

Embora as vendas anuais do segmento de transporte de passageiros na Colômbia continuem com desempenho inferior ao do ano passado, com queda de 24,0% nos primeiros nove meses de 2021 (1.547 unidades contra 2.037 de janeiro a setembro de 2020), os resultados positivos destaque é que o terceiro trimestre de 2021 foi o primeiro no qual o mercado apresentou ligeiro crescimento (2,3%) desde o início de 2020. Segundo Andemos, no último trimestre foram vendidas mais da metade do total do ano, com 843 unidades sobre as 824 do ano anterior.

O motivo do ligeiro crescimento no último trimestre foi o ainda tímido processo de renovação da frota, ocorrido em agosto e em que a Scania e a Volkswagen se destacaram e forneceram, só naquele mês, mais da metade do total de veículos comercializados no país ao longo dos nove meses. Mas a adoção do regime de trabalho no domicílio e a redução das aulas presenciais, que levou à redução das viagens para o trabalho, às aulas e também aos programas de viagens e turismo, continuam a contribuir para a retração anual nas vendas.

Líder de mercado, a Scania vendeu 345 unidades ao longo do ano, 188 delas apenas em agosto. A Volkswagen fechou o período com 179 unidades vendidas, 140 delas apenas em agosto. Na verdade, Volkswagen e Mercedes-Benz foram as únicas marcas a registrar crescimento de vendas. A VW subiu 645,8% (179 contra 24 unidades em 2020) e a Mercedes 18,1%, com 150 unidades contra 127 no ano anterior.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.