Grupo de jovens empresários discute o papel da tecnologia nas empresas de ônibus

Da Revista Technibus
Foto: Fancycrave1 (Pixabay)

No segundo encontro da Comissão de Jovens Empresários e Executivos do Transporte de Passageiros (ComJovem), o tema foi a tecnologia a serviço do transporte. A convidada especial foi Rebeca Bezerra Leite, fundadora da Mobs2, startup especializada em ciência de dados e educação, que foi idealizada para aumentar a eficiência das empresas de transporte e ajudar na redução de custos.

Rebeca também faz parte da segunda geração do grupo Itamaracá Transportes, formado por empresas que atuam no transporte público do Nordeste, com uma frota de cerca de 900 ônibus. “Conheço bem as dificuldades que afligem o setor. A Mobs2 nasceu das necessidades de nossas próprias empresas. A nossa proposta é resolver problemas e não apenas mostra onde eles estão”, comentou.

Em um bate-papo informal, Rebeca mostrou ao grupo de jovens empresários que os investimentos em tecnologia trazem resultados concretos. “Temos clientes que reduziram em 30% o consumo de combustível. Não somos uma empresa de telemetria. A Mobs2 oferece um serviço de educação, com base na análise dos dados de cada cliente”, destaca.

As soluções da startup são integradas a algumas das principais empresas de bilhetagem eletrônica, Prodata Mobility Brasil, Empresa 1 e Transdata. “Enviamos os dados em tempo real, mas nossos algoritmos coletam e traduzem esses dados em informações relevantes para a operação. Com base nestas informações, oferecemos consultoria e educação. É muito importante tratar os problemas encontrados e resolvê-los, e os algoritmos fazem isso”, detalha.

A plataforma M2 mede o desempenho dos condutores, e o sistema de gestão de frotas (SGF) avalia a qualidade e as obrigações da frota. “Na minha visão, o motorista é a principal figura em uma empresa de ônibus. Precisamos formar uma parceria com ele e mostrar que a tecnologia existe para torná-lo melhor em seu trabalho. A comunicação com o motorista é fundamental”, enfatiza.

A Mobs2 School é uma plataforma com cursos rápidos voltados para melhorar o desempenho dos condutores. “É uma espécie de ‘Netflix’ de cursos. São aulas bem objetivas que focam problemas específicos. É importante criar uma cultura sustentável nas empresas, estimulando uma competição saudável entre os motoristas e a vontade de se tornar um profissional cada vez melhor”, avalia Rebeca.

A Mobs2 também disponibiliza o aplicativo My Mobs2 para os motoristas e desenvolveu um app especialmente para os passageiros. “A percepção do cliente também é muito importante”. No setor de transporte por ônibus, 85% dos clientes da empresa atuam no segmento urbano e 15% no rodoviário.

O próximo encontro da ComJovem será dia 1º de junho. A comissão foi lançada pela Federação das Empresas de Transportes de Passageiros do Estado de São Paulo (Fetpesp) em dezembro de 2021, com objetivo de capacitar e ampliar a participação no setor desses profissionais e sucessores das empresas. O primeiro evento presencial do grupo havia sido realizado na sede da Fetpesp, no dia 31 de março.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.