LAT.BUS 2022: Eletra anuncia modelo de 21,5m articulado para BRT-ABC

Este texto faz parte da edição de hoje, 14/08, da coluna Especial UNIBUS RN dedicada à LAT.BUS 2022.
Para conferir a reportagem anterior desta edição da coluna, é só clicar AQUI.
Para conferir a lista completa das próximas postagens desta edição da coluna, é só clicar AQUI.

Da Revista Technibus
Foto: Divulgação (Via Revista Technibus)

A Eletra anunciou na Lat.Bus 2022 um novo modelo de ônibus elétrico. O E-Trol é um modelo articulado de 21,5 m, com chassi Mercedes-Benz, que fará a recarga das baterias em movimento, funcionando como um misto de trólebus e veículo elétrico a bateria.

De acordo com Iêda de Oliveira, diretora comercial da Eletra, o modelo será mais leve e mais barato, além de não necessitar de infraestrutura elétrica nas garagens e terminais para fazer a recarga. “A recarga será feita na rede, com veículo em circulação, por meio de conexão automática”, detalhou.

Milena Romano, CEO da empresa, informou que o modelo irá circular no sistema BRT-ABC. (leia mais sobre o projeto do BRT-ABC) “O corredor do BRT contará com trechos com rede aérea, como dos trólebus”, disse.

A Eletra mostrou na feira o ônibus elétrico de 12,5 metros movido a baterias, com chassi Mercedes-Benz O500U low entry e carroceria Caio Millenium IV. O motor, as baterias e os inversores são da WEG, e a autonomia do veículo é de 250 km. Outro modelo exibido foi o ônibus elétrico de 15 metros a baterias, com chassi Scania K310 6×2 e carroceria da Caio.

Milena Romano informou que o modelo de 12,5 metros, que já está homologado pela SPTrans, e o de 15m está em processo de homologação. “Nossa meta é homologar cinco modelos até outubro. Somos a quarta maior produtora de veículos elétricos na América Latina e estamos trabalhando para ser a primeira”, disse, destacando os recentes investimentos para a nova fábrica na via Anchieta.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.