Internacional: Parceria entre Nova Bus e BAE Systems garante ônibus com emissão zero no Texas, nos Estados Unidos

Por Secco Comunicação
Foto: Divulgação (BAE Systems / Via Secco Comunicação)

A Nova Bus, fabricante de ônibus urbanos do Canadá, vai começar a fornecer, neste último trimestre, os primeiros 40 ônibus LFSe+ BE totalmente elétricos para a Autoridade de Trânsito Metropolitano do Condado de Harris, no Texas, EUA. Os veículos são equipados com a mais recente tecnologia de propulsão e trem de força integrado Gen 3 da BAE Systems, e o negócio – feito em abril deste ano – é o maior que a Nova Bus recebeu até agora para fornecimento do novo modelo.

O novo ônibus LFSe+BE é resultado de mais de uma década de cooperação entre a BAE Systems e Nova Bus, período no qual foram entregues mais de 2.400 veículos da marca com propulsão híbrida da BAE Systems para diversas cidades no Canadá, além de Nova Iorque, nos Estados Unidos.

A parceria entre as duas empresas tem colaborado na gradativa redução de emissões em algumas da principais cidades norte-americanas. Os ônibus elétricos e híbridos fornecidos e em operação nos sistemas de transporte urbano funcionam por períodos mais longos com os motores a combustão desligados, movidos apenas por eletricidade e com emissão zero.

Arquitetura em série, uma decisão estratégica: Um fator-chave no relacionamento bem-sucedido entre a BAE Systems e a Nova Bus é a arquitetura do sistema utilizada pela BAE. A estratégia da BAE Systems sempre foi oferecer arquitetura em Série, o que significa que o acionamento de tração é sempre através do motor elétrico e a fonte de energia pode ser um ICE (motor a combustão interna movido a gás ou diesel), baterias, células de combustível de hidrogênio, uma mistura das duas ou mais fontes ou qualquer outra fonte de energia que possa ser armazenada.

Sistemas Stop/Start, Arrive & Go e operações de zero emissões: Ao longo das duas últimas décadas, a BAE Systems começou a introduzir e oferecer nos veículos equipados com o seu sistema de propulsão híbrida opções para poderem operar com o motor a combustão desligado. O primeiro foi o sistema Stop/Start (SS) que desliga o motor quando o ônibus está parado, fornecendo energia apenas para os equipamentos como ar-condicionado ou operação de portas e não para os componentes que contribuam para a movimentação do veículo, como direção hidráulica. Sua introdução nos ônibus Nova Bus ocorreu entre 2016 e 2017 nas cidades de Montreal e Quebec, mas desde 2012 a BAE Systems já fornecia a tecnologia para os veículos da New Flyer do sistema Metro Transit de Minneapolis, nos Estados Unidos.

O sistema Arrive & Go (AG) funciona com o veículo em movimento. O motor é desligado quando o ônibus acessa determinadas zonas da cidade, como áreas de pedestres e locais de zonas de emissão zero. Isso é determinado pelo geofence (tecnologia que utiliza GPS, Wi-Fi ou outros recursos para determinar um perímetro geográfico virtual) ou pelo operador. A cidade de Quebec foi a primeira que iniciou as operações de geofence, desligando o motor e trafegando apenas com energia elétrica.

Estas duas tecnologias foram desenvolvidas na América do Norte com a Nova Bus (assim como com a New Flyer, outro cliente-chave da BAE Systems) e levadas para a Europa, sendo o Reino Unido o primeiro mercado a utilizar, em 2018.

Hoje a BAE Systems oferece dois sistemas híbridos, Série E e Série ER. A Série E é com ultracapacitores IkWh para operação limitada do motor desligado. A ER tem a bateria de 32 kWh para operações de geofence de emissão zero em percurso de até três milhas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.