Transmissões Voith irão equipar mais de 800 novos ônibus no Chile

Da Revista Technibus
Foto: Divulgação (Volvo do Brasil)

Em uma licitação realizada pelo ministério do transporte e das telecomunicações, o governo do Chile contratou 864 novos ônibus para o sistema de transporte público. Mais de 700 ônibus foram entregues e já estão em circulação.

Com tecnologia Voith, os veículos foram produzidos pela Mercedes-Benz e Volvo com transmissões automáticas Diwa6. Com retarder integrado e comando eletrônico, proporcionam uma operação segura e eficiente, com redução nas emissões de poluentes, seja por uma gestão otimizada do trem de força, seja por uma frenagem hidrodinâmica de alto desempenho, reduzindo em até 90% a emissão de particulados por freio. Entre as transmissões fornecidas, 636 foram fabricadas pela unidade da Alemanha e 81 pela fábrica do Brasil.

Segundo a Voith, o processo para contratação exigiu complexidade técnica dos concorrentes, com uma pré-qualificação dos veículos que garantissem eficiência energética em um ciclo pré-definido. Após a homologação dos resultados, os operadores do transporte urbano puderam escolher entre os veículos que atendiam aos requisitos. Dos 11 pré-qualificados, dez contavam soluções e tecnologia Voith.

Hans Lein, diretor de vendas Voith Turbo Chile, destaca a importante parceria entre a empresa, os fabricantes de veículos e o governo chileno em projetos de mobilidade. “A Voith está presente na frota de ônibus urbanos do Chile desde o início da década de 1990, oferecendo aprimoramento tecnológico, com base na experiência de anos nos mercados pelo mundo.”

A frota de ônibus do país já conta com mais de 4,5 mil ônibus com transmissões da marca, dos quais, mais de mil são equipados com Diwa6. Em 2020, foram entregues 440 ônibus articulados Mercedes-Benz e Volvo, com transmissões automáticas Diwa6. Com os novos contratos, a empresa alemã passa a atuar em quase 70% de toda frota de ônibus em operação na capital. Ainda são esperadas mais duas licitações para 2023 e 2024 para a entrega de mais três mil veículos.

O processo de renovação da frota foi impulsionado pelo novo sistema de transporte da região metropolitana de Santiago. A operação chamada Red Metropolitana de Movibilidad também irá integrar as viagens entre ônibus, metrôs e trens. Somente nos modais por trilhos são atendidos 2,5 milhões de passageiros diariamente em 146 estações.

Os veículos ferroviários em operação no país também têm tecnologia Voith. Mais de 480 possuem acoplamentos da marca em uma malha ferroviária de 1.165 veículos.

Projetos com ônibus e trens elétricos também estão entre os objetivos da empresa para o mercado sul-americano. “Vamos apresentar soluções para veículos com tração elétrica, baseado no sistema de tração tradicional para futuros contratos. Seguiremos suportando sistema de transporte público para ônibus, metrôs e trens elétricos em vários países”, afirma Rogério Pires, vice-presidente de vendas de veículos comerciais Voith Turbo América do Sul.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.